Últimas 100 Atualizações do Website via Twitter:

Pesquise todo o conteúdo do website Horus Strategy abaixo:
Loading

sexta-feira, janeiro 22, 2010

Bolsa de valores tem todo dia ... #Bolsa

Bolsa de Valores tem todo dia ...

- Bolsa tem todo dia.
- Habitue-se a ir ao banheiro antes do pregão abrir. A primeira já foi dada.
- A tendência é sua amiga.
- Compre no suporte/venda na resistência.
- Realize seu lucro “sempre” cedo demais.
- Leve o dinheiro deles, antes que levem o seu.
- Pior que ganhar pouco ou não ganhar nada, é perder.
- Lucro, mesmo que pequeno, não quebra ninguém.
- Compre ao som dos canhões e venda ao som dos violinos.
- Não se aborreça por perder uma alta e sim de perder dinheiro.
- Não lamente perdas virtuais.
- Não comemore lucros virtuais.
- Sucesso é hábito, fracasso também. Habitue-se a ganhar sempre.
- Disciplina: seja fiel à sua estratégia.
- Ousadia: arrisque-se dentro de sua estratégia.
- Humildade: liquide imediatamente uma posição perdedora.
- Stop: fere a vaidade e preserva o bolso.
- Use stop de entrada e stop de proteção de lucros.
- O melhor stop é o que não precisa ser acionado.
- Olhe para o gráfico com olhos de criança.
- Descubra à noite no noticiário o que o gráfico lhe mostrou durante o dia.
- Lugar de torcedor é na arquibancada, seja um especulador.
- No mercado o mais importante não é participar, é ganhar.
- Aprenda a operar em mercados de alta (compra) e baixa (venda).
- Não jogue, especule.
- Viciados em mercado morrem rapidamente de overdose.
- Após uma seqüência de erros, pare e ajuste o foco.
- O mercado jamais estará contra você, mas você poderá estar contra si mesmo.
- Encare a perda com serenidade.
- Administre os lucros com discrição.
- O que está ruim pode ficar ainda pior.
- Acertar o "fiofó da mosca" é uma lenda, ele não existe.
- Ao liquidar uma posição, jamais fique imaginando o quanto ela ainda poderia lhe render.
- Mais importante que ter muito ou pouco dinheiro é ter uma estratégia que funcione.
- Não queira se tornar milionário da noite para o dia, mas queira se tornar milionário dia após dia.
- Ao liquidar uma posição, tome do vendedor e/ou enfie no comprador.
- Uma tendência não retorna para mendigar centavos.
- Por um tostão você pode perder um milhão.
- Se o mercado lhe envia sinais confusos, fique fora dele.
- Se em determinado momento você achar que o mercado está errado, volte à realidade, o errado é você!
- O mercado será cruel ou generoso com você tanto quanto sua própria disciplina permitir.
- O medo de perder fará com que você perca ainda mais.
- A esperança de ganhar mais fará com que você ganhe menos.
- Jamais especule usando um Achômetro ou o Teorema de Chutágoras.
- O mercado se movimenta em três direções: para cima, para baixo ou de lado.
- Somente entre no mercado tendo uma porta e uma janela para sair.
- Em especulação o lucro é como um picolé ao sol, você chupa ou ele derrete em sua mão.
- No mercado, o otimista perde muito e o pessimista ganha pouco. Seja realista.
- Especular é simples, mas não é fácil.
- Às vezes as coisas são tão simples que você as negligencia.
- Ao especular é preciso agir rápido ou ficar de fora.
- Entre no mercado somente quando tiver certeza de que as condições são favoráveis à sua operação.
- Ficar furioso com o mercado é pura tolice.
- No mercado o importante não é ser altista (touro) ou baixista (urso). O importante e estar do lado certo, ou seja, "estar" altista ou "estar" baixista.
- Você precisa confiar em si mesmo e em suas análises se quiser ser um especulador de sucesso.
- Dê ouvidos aos “especialistas” e você estará falido.
- Especulação é um negócio árduo que exige persistência.
- Só existe uma maneira de uma pessoa se convencer definitivamente de que está errada. Deixe-a perder dinheiro.
- Quando você descobre o que não deve ser feito com o objetivo de não perder dinheiro, você começa a aprender o que fazer a fim de ganhar dinheiro.
- Uma das coisas mais úteis que alguém pode aprender é desistir de agarrar o último ou o primeiro centavo.
- Enxergue não só as árvores, mas toda a floresta.
- Um cliente que ganha dinheiro é um ativo para qualquer corretora.
- Para ser um vencedor no mercado você não pode ser meramente um estudioso, tem que ser um estudioso e um especulador.
- Mais importante que os preços é o timing.
- Todo erro no mercado atinge dois pontos delicados: seu bolso e sua auto-estima.
- Quando você está na ponta certa no mercado, duas forças trabalharão a seu favor: o noticiário e todos os que estão posicionados na ponta errada.
- Os principais inimigos de um especulador estão em sua própria mente: medo e esperança, pânico e euforia.
- Um grande número de desastres de especuladores brilhantes pode ser atribuído diretamente à presunção.
- Esteja convencido de que se alguma coisa está errada, está errada contigo e não com o mercado.
- A manipulação é a principal desculpa usada para justificar as perdas de especuladores despreparados.
- Aqueles que vivem à procura de palpites, na realidade não estão buscando bons palpites, mas qualquer palpite.
- Você pode transmitir conhecimento, isto é, sua própria coleção de fatos arquivados na memória, mas não a sua experiência.
- Você pode saber o que fazer e mesmo assim perder dinheiro, se não fizer rápido o suficiente.
- O mercado tem razões que a própria razão desconhece.
- Se você acredita que pode ou que não pode, de qualquer maneira você tem razão.

Bookmark and Share

sexta-feira, janeiro 15, 2010

Confira como ajudar as vítimas do terremoto no Haiti

Confira como ajudar as vítimas do terremoto no Haiti

O terremoto no Haiti causou destruição e pode ser afetado cerca de 3 milhões de pessoas, segundo o Comitê Internacional da Cruz Vermelha, que alerta, porém, que o número ainda pode mudar porque ainda falta verificar muita coisa sobre a situação no país.

Quem quiser ajudar as vítimas do terremoto tem algumas opções. A embaixada do Haiti no Brasil recebe doações em dinheiro por meio da conta corrente abaixo. Os recursos serão recebidos diretamente pela embaixada e administrados por ela, segundo o Banco do Brasil. Podem ser feitos depósitos ou transferências de qualquer banco e até mesmo de fora do Brasil para a conta corrente.

Nome: Embaixada da República do Haiti
Banco: Banco do Brasil
Agência: 1606-3
CC: 91000-7
CNPJ: 04170237/0001-71

O Comitê Internacional da Cruz Vermelha (CICV) também recebe doações só em dinheiro. Segundo Silvia Backes, coordenadora do CICV no Brasil, a entidade não recebe outros tipos de doações, como roupas, devido à dificuldade de enviá-las ao país. Ela diz que há uma equipe de ajuda emergencial da Cruz Vermelha saindo de Genebra com toneladas de doações e com equipes de médicos. Para doar ao CICV, use a conta corrente abaixo:

Nome: Comitê Internacional da Cruz Vermelha
Banco: HSBC
Agência: 1276
CC: 14526-84
CNPJ: 04359688/0001-51

O Movimento Viva Rio informou que abriu uma conta para receber doações que serão usadas para compra de alimentos, água e medicamentos.

Nome: Movimento Viva Rio
Banco: Banco do Brasil
Agência: 1769-8
CC: 5113-6
CNPJ: 00343941/0001-28

Para informações sobre brasileiros no Haiti, o Núcleo de Assistência a Brasileiros do Itamaraty disponibiliza os seguintes telefones, todos em Brasília:

(61) 3411-8803

(61) 3411-8805

(61) 3411-8808

(61) 3411-8817

(61) 3411-9718

(61) 8197-2284

Cenário é de guerra no país caribenho

É um resumo da desgraça provocada por um tremor de 7,3 graus na escala Richter que, nesta terça-feira, matou dezenas de milhares de pessoas e atingiu pelo menos 3,5 milhões. A morte de dois militares gaúchos que, em meio à miséria do Haiti, serviam às forças de paz da ONU, foi confirmada pelo Exército. Outros 12 brasileiros também morreram no tremor de 7,3 graus na escala Richter - entre eles a missionária Zilda Arns, 73 anos.

Disponivel em: http://www.clicrbs.com.br/diariocatarinense/jsp/default.jsp?uf=2&local=18§ion=Mundo&newsID=a2777195.htm

Foto: Radioteleginenhaiti.com, EFE

Marcadores:

Bookmark and Share

INFORMAÇÕES AOS VOLUNTÁRIOS INTERESSADOS EM ATUAR NO HAITI

INFORMAÇÕES AOS VOLUNTÁRIOS INTERESSADOS EM ATUAR NO HAITI

Muitas pessoas estão acompanhando as notícias sobre o terremoto que assolou o Haiti. Naturalmente surge o interesse em ajudar a minimizar o sofrimento e os estragos que o evento causou naquele país. O Brasil está definindo como será essa ajuda. Enquanto isso, as Coordenadorias Estaduais de Defesa Civil foram orientadas a realizar o cadastramento de voluntários que estejam em condições de atuar no Haiti. Trata-se apenas de um levantamento preliminar que não implica, necessariamente, na convocação. Havendo a necessidade, as pessoas serão contatadas.

Para se cadastrar solicitamos que sejam lidos os requisitos e, posteriormente, seja preenchido, na própria página da Coordenadoria Estadual de Defesa Civil do Paraná, o cadastramento. Após essas etapas basta aguardar o eventual acionamento.
Não existe, nesse perfil, a necessidade específica de alguma formação, porém, dentre os inscritos, a depender da solicitação que for realizada ao Paraná, serão acionadas as pessoas de acordo com as suas habilidades.

Importante ler as recomendações quanto à vacinação que seguem abaixo:

Recomendações para o viajante:

O Cives recomenda às pessoas com viagem programada para a República Dominicana e Haiti, que:
• Atualizem seus os esquemas vacinais contra poliomielite, independentemente da idade (criança ou adulto). Os adultos não vacinados e as pessoas com imunodeficiência de qualquer causa (inclusive portadores assintomáticos de HIV) devem reveber a vacina inativada (Salk).
• Adotem medidas de prevenção contra outras doenças transmitidas por água e alimentos (cólera, febre tifóide, hepatite A).
• Atualizem a vacina contra febre amarela (validade de 10 anos), cujo certificado é exigido no Haiti, e outras doenças imunopreveníveis (como sarampo).
• Utilizem medidas de proteção individual contra a malária (paludismo), doença endêmica no Haiti e em áreas rurais da República Dominicana, contra a qual não existem vacinas disponíveis.
O viajante que chega ao Brasil, proveniente da República Dominicana e do Haití, deve:
• Certificar-se de estar com o esquema vacinal atualizado, contra a poliomielite e outras doenças evitáveis pela vacinação.Caso não esteja, deve ser vacinado o mais rápido possível.
• Em caso de apresentar febre, procurar os Serviços de Saúde para esclarecimento diagnóstico. Nessa situação (febre), a possibilidade de malária, doença para qual existe tratamento específico eficaz, deve ser sempre investigada.

DOAÇÕES:

É também grande o número de pessoas, empresas e instituições que estão procurando informações sobre campanhas para angariar donativos. No entanto, em virtude das dificuldades logísticas por ora verificadas no Haiti, a Defesa Civil nacional orienta que não sejam coletados donativos como alimentos, roupas e demais materiais. As pessoas que queiram ajudar devem aguardar novas informações que, se necessárias, irão solicitar doações.

Essa decisão tem por base as orientações da Secretaria Nacional de Defesa Civil e a situação delicada em relação à logística naquele país,.bem como a informação de que o Brasil já enviou parte do seu estoque de donativos, o que até o momento foi considerado suficiente para a ajuda necessária.

Coordenadoria Estadual de Defesa Civil


Marcadores:

Bookmark and Share

terça-feira, janeiro 12, 2010

Blonde Joke

THE BLONDE JOKE

A blonde woman was speeding down the road in her little red sports car
and was pulled over by a woman police officer who was also a blonde.

The blonde cop asked to see the blonde driver's license. She dug through
her purse and was getting progressively more agitated.

'What does it look like?' she finally asked.

The policewoman replied, 'It's square and it has your picture on it.'

The driver finally found a square mirror in her purse, looked at it and
handed it to the policewoman. 'Here it is,' she said.

The blonde officer looked at the mirror, then handed it back saying, 'OK,
you can go. I didn't realize you were a cop.

Bookmark and Share

quarta-feira, janeiro 06, 2010

Remorso por dinheiro

Remorso por dinheiro
via Contabilidade Financeira by César Tibúrcio on 1/3/10

Remorso de poupar demais pode ser maior do que o de gastar, diz pesquisa

SÃO PAULO - Um estudo conduzido por pesquisadores das universidades de Columbia e Harvard detectou que pensar sempre no futuro, inclusive quando o assunto é dinheiro, não é tão positivo quanto se imagina.

A necessidade de se sentir eficiente e a tendência a se sentir culpado quando se faz alguma coisa "just for fun" (apenas para diversão, na tradução livre) é universalmente humano, diz o estudo, mas a obsessão pela produtividade pode fazer o indivíduo enxergar momentos de prazer - a exemplo de uma compra - como perda de tempo, irresponsabilidade ou imoralidade, o que não é bom.

Os pesquisadores Anat Keinan (Harvard) e Ran Kivetz (Columbia) disseram que o que acontece é que há pessoas que têm o hábito de superestimar os benefícios do que irão receber no futuro, por tomar decisões responsáveis agora. O nome dado ao fenômeno foi "hipermetropia", igual ao problema que acomete a visão, segundo publicado na Revista de Harvard dos meses de setembro e outubro.

Relação com o dinheiro
Quando trazido para o lado financeiro, o hábito pode ser encarado da seguinte forma: a pessoa poupa muito dinheiro, pensando nas condições futuras, o que a leva a não consumir aqueles produtos de que mais gosta. No futuro, isso tende a gerar um grande remorso, maior até do que se ela tivesse comprado.

A professora de Harvard começou a pensar na questão depois de notar uma tendência de reclamação das pessoas por ter estudado muito e trabalhado demais, em detrimento de sair aos finais de semana e viajar, por exemplo. Os pesquisadores pensaram, então, em analisar este comportamento com um estudo formal, que foi aplicado em estudantes.

O resultado foi que, quando analisado o curto prazo, na escolha entre trabalho e prazer, quem escolheu a diversão se arrependeu mais. Mas quando consideradas decisões feitas há mais de cinco anos, mais pessoas se arrependeram de ter escolhido o trabalho.

A teoria e a realidade
Com base no estudo, a professora de Harvard detectou que grupos nos extremos são raridades, sendo eles os que gastam tudo com prazer ou os que vivem voltados para o trabalho. A maioria de nós está "no meio", segundo Anat, já que "pensamos que é importante o trabalho e ter objetivos e alcançá-los, mas também pensamos em outras coisas", como família, amigos, hobbies etc.

Ela finaliza dizendo que tomar uma decisão fútil hoje pode ser um investimento em uma recordação adorável e em um futuro de felicidade.

Bookmark and Share
Copyright © 2002 / 2014 HorusStrategy.com.br. Horus Strategy é marca registrada. Todos os direitos reservados.